18ª parte - As alterações no sono durante a gravidez

11 de setembro de 2014, escrito por Redação i3i, na categoria Saúde

Fonte

Conteúdo exclusivo © i3i

Grande parte das mulheres grávidas reclama de dificuldades para dormir. Especialistas confirmam que durante os nove meses as futuras mamães podem sofrer de inúmeras alterações no sono. Estas mudanças são comuns desde o primeiro trimestre, sendo que podem ser mais significativas quanto mais próximo do parto. 


Quando a barriga cresce, fica cada vez mais difícil de arrumar uma posição na cama

Segundo o ginecologista e obstetra Alfonso Massaguer, diretor da Clínica Mãe, de São Paulo, é muito comum que a gestante se queixe de sonolência durante o dia, um sintoma bem típico dos primeiros meses de gestação. Muitas gestantes descobrem que estão grávidas exatamente pela "moleza" que vêm com os primeiros enjoos. Contudo, o especialista explica que as causas do mal dormir na gravidez podem ser variadas, desde a síndrome das pernas inquietas, insônia e narcolepsia até alterações respiratórias durante o sono e do ciclo circadiano. “Como para qualquer pessoa, ficar insone causa muita ansiedade, o que acaba por agitar a pessoa que, além de não dormir, não consegue relaxar corpo ou mente”, destaca.

O médico reforça que diversos estudos demonstram que o uso de eletrônicos como tablets, smartphones, computadores e outros equipamentos que se iluminam por luz LED dificultam a indução do sono e pioram sua qualidade, causando sono agitado e superficial. Por isso, mesmo que não consiga dormir, o ideal é evitar televisão e celular e dar preferência à atividades como leitura ou artesanato. Outra opção para as grávidas chamarem o sono pode ser “um banho morno, à meia luz, ouvindo musicas relaxantes, sons da natureza ou fazendo meditação, aproveitando o período sem sono para ao menos descansar corpo e mente”. 

Mas a reclamação de mal dormir das gestantes geralmente aumenta com os meses. Na reta final, não há mais posição na cama que permita um sono relaxante. É o que vem passando a publicitária Cora Netto, 30 anos, grávida de 37 semanas do pequeno Artur. Apesar de ter ganho menos de dez quilos durante a gestação, ela sente muito mal estar na hora de deitar. "Não há posição que resolva. Chego a dormir sentada", conta ela.

De acordo com o especialista, a gestante deve preferencialmente se deitar em decúbito lateral esquerdo, ou seja, deitar-se sobre o braço esquerdo. Esta providência ajuda a evitar a compressão de vasos sanguíneos abdominais, o que prejudica a circulação sanguínea para a mãe e para o bebê. “Quando há dificuldade de respiração ou sensação de queimação no estômago ou refluxo ao se deitar, elevar o tórax com o uso de travesseiros sob a parte superior do colchão também poderão ajudar”, explica. Outra dica é posicionar uma almofada no meio das pernas de forma a afastar os joelhos, o que ajuda a manter a coluna reta e aumenta o conforto.

A ginecologista e obstetra Mariana Lautenschlager acrescenta que alterações no sono durante a gravidez ainda podem estar associadas à diminuição de produtividade, irritabilidade, estresse, ansiedade, depressão, acidentes, além de doenças crônicas como hipertensão, diabetes e obesidade. Segundo ela, fatores emocionais e hormonais interferem diretamente no sono, mas questões alimentares e de hábito de vida são tão ou mais potentes facilitadores ou dificultadores do sono. 

Mariana recomenda evitar alimentos de difícil digestão e refeições ricas em gordura, assim como líquidos ou alimentos estimulantes ricos em cafeína, por exemplo. A dica é introduzir na dieta alimentos calmantes como infusões de ervas e frutas, praticar exercícios físicos de leve a moderada intensidade regularmente, evitando apenas o período da noite caso sinta alterações no sono pós exercício.

 


Gostou do nosso conteúdo? Acompanhe pelo Facebook


Tags: Os Mistérios do Sono,

Notícias relacionadas:

Ou se preferir veja uma listagem com todas as notícias do i3i!

Comentários!
Use a caixa de comentários abaixo para comentar, compartilhar e interagir com os leitores do site.

O i3i também está no Facebook

Veja abaixo o que os seguidores da nossa fanpage estão dizendo sobre essa matéria.


Você também vai gostar de ...

Encontre-nos no Facebook

i3i ® 2014. Todos os direitos reservados.